Browsing articles tagged with " organograma"

Organograma – Uma imagem vale mais que mil palavras

ago 10, 2010   //   by jaqueline   //   Planejamento Estratégico  //  No Comments
Estruturei recentemente o organograma de uma empresa para a qual presto consultoria em RH e durante o processo de desenvolvimento nos deparamos com uma questão interessante: o que o Organograma vai realmente expressar? Será a representação da empresa, que tem uma visão moderna e colaborativa ou simplesmente mostrará com suas “caixinhas” quem manda em quem? Não pude deixar de lembrar da figurinha ao lado:
Conceitualmente, o Organograma é um gráfico que representa a estrutura formal da organização num determinado momento, e portanto, pode mudar sempre que houver necessidade.
Quando o Organograma é bem estruturado ele permite aos componentes da organização saber exatamente quais suas responsabilidades, suas funções e a quem devem se reportar.
No caso dessa empresa, os gestores queriam (e precisavam) determinar suas funções, suas responsabilidades e hierarquia, porém não queriam perder o caráter de trabalho em equipe, de colaboração entre as funções e principalmente não criar conflitos entre as pessoas, além disso tínhamos que encaixar alguns projetos no Organograma, visto que se trata de uma empresa que tem vários projetos simultâneos em andamento.
Existem alguns tipos de organograma. Através do estudo da organização e da forma como se quer representá-la você poderá utilizar do que melhor atender ao momento da organização.
São eles:
  • Organograma vertical (também chamado de clássico), é mais usado para representar claramente a hierarquia na empresa;
  • Organograma circular (ou radial), é exatamente o contrário, usado quando se quer ressaltar o trabalho em grupo, não há a preocupação em representar a hierarquia. É o mais usado em instituições modernas onde o se quer ressaltar a importância do trabalho em grupo;
  • Organograma horizontal também é criado com base na hierarquia da empresa, mas tem essa característica amenizada pelo fato dessa relação ser representada horizontalmente, ou seja, o cargo mais baixo na hierarquia não está numa posição abaixo dos outros (o que pode ser interpretado como discriminação, ou que ele tem menos importância), mas ao lado;
  • Organograma funcional é parecido com o organograma vertical, mas ele representa não as relações hierárquicas, e sim as relações funcionais da organização; 
  • Organograma matricial é usado para representar a estrutura das organizações que não apresentam uma definição clara das unidades funcionais, mas grupos de trabalhos por projetos que podem ser temporários (estrutura informal).
Dentro desse contexto eu utilizei dois modelos de Organograma. O primeiro foi um Organograma Matricial, representando as funções cujas atividades são compartilhadas entre todos os projetos.
Já no desmembramento – no Organograma dos Projetos utilizei o Organograma Circular para direcionar a equipe do Projeto, sem criar uma hierarquia muito formal.

Abaixo seguem imagens dos dois modelos:

Espero que seja útil.

Abraço a todos!!